Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrar

Com déficit de médicos, unidades de saúde em Americana agendam consultas para até 2020; veja vídeo

Notícias 27 de junho de 2019


Reportagem percorre bairros e prazos previstos nos postos variam entre agosto e o próximo ano. Prefeitura admite problema e diz que seleção de profissionais está em andamento. Pacientes relatam dificuldades para agendamento de consultas em Americana
A três dias para fim do primeiro semestre deste ano, unidades básicas de saúde em Americana (SP) já preveem consultas para 2020, segundo relatos de pacientes à EPTV, afiliada da TV Globo. Com isso, as alternativas são pagar por um atendimento particular ou buscar o Hospital Municipal.
A reportagem foi até o posto no bairro Antonio Zanaga para ver qual a situação para quem busca agendamento com um clínico geral. A previsão é de disponibilidade para dezembro.
Na unidade do Jardim São Paulo nenhum funcionário quis comentar o assunto. Já no posto do Mathiensen, que recebe moradores de cinco bairros, só há agendamentos para o próximo ano.
A moradora Lindaura de Lima reside nesta região e reclama das dificuldades para ter acesso ao serviço. “Não tem médico. Se tiver, é só no próximo ano, infelizmente eu não consegui”, lamenta.
A paciente Lindaura de Lima, em Americana
Reprodução / EPTV
Já a Silvana Bonfim diz que só consegue ser atendida quando alguém desiste ou deixar de ir. “Para tentar uma consulta, precisaria vir de madrugada para encaixe no caso de alguma falta”, conta.
Em outros postos da cidade, a consulta está disponível em meses mais próximos. Entre os exemplos está a unidade do São Luiz, onde havia agenda aberta para agosto até esta publicação. No São José, a expectativa é para setembro; enquanto que no São Vito é novembro.
Unidades de saúde em Americana agendam consultas para até 2020
Reprodução / EPTV
O que diz a prefeitura?
Em nota, a prefeitura admitiu que o principal problema na saúde é a falta de médicos e justificou que ele ocorre por causa dos pedidos de exoneração que reduziram o quadro nos últimos anos. Além disso, ela defende que, em função do comprometimento com a folha salarial, não foi possível fazer a reposição. Um processo de seleção está em andamento, mas não há prazo para término.
Veja mais notícias da região no G1 Campinas.
Source: Notícias de Campinas e Região

20 visualizações, 1 hoje

  

Links Patrocinados

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Anuncie agora mesmo

Portal do Campo Grande, Campinas-SP

Facebook

%d blogueiros gostam disto: